As músicas que fizeram a história da música dance pop têm espaço garantido na Energia 97 FM.

Jovens e saudáveis não podem tomar vacina da COVID-19 até 2022, diz OMS

"As vacinas chegarão em gotas e gotas", afirmou o chefe de imunização

16/10/2020


#MuitoMaisEnergia

(Foto: Reprodução / Site nd+ / CRÉDITO: Arquivo/ND)

Um especialista disse que os jovens e saudáveis podem precisar esperar até 2022 pela tão aguardada vacina da COVID-19. De acordo com o cientista-chefe da OMS (Organização Mundial da Saúde), Soumya Swaminathan, provavelmente vai acontecer um atraso entre eles por mais de um ano.

As pessoas tendem a pensar, ah, no dia primeiro de janeiro ou primeiro de abril, vou tomar uma vacina e então as coisas vão voltar ao normal”, declarou Swaminathan em um questionário online da OMS, nesta quarta-feira (14). “Não vai funcionar assim”, afirmou.

 “Haverá muitas orientações saindo, mas acho que uma pessoa comum, uma pessoa jovem e saudável, pode ter que esperar até 2022 para receber uma vacina”, explicou.

Por mais que a vacina ainda não tenha sido totalmente desenvolvida, a organização da OMS estão se preparando para este dia. Portanto, além dos profissionais de saúde, mais conhecidos como “linha de frente”, terão prioridade quando começar o período de vacinação. Isso significa que os jovens e saudáveis podem ser os últimos a receber a vacina. É importante destacar que os “jovens” e “saudáveis” podem sim se contaminar e morrer de COVID-19, enquanto o espalham entre outras pessoas. No entanto, as evidências apontam que eles são menos propensos a sofrer complicações graves comparado com idosos e aqueles que possuem problemas de saúde.

As crianças possivelmente serão as últimas do grupo de “jovens saudáveis” a receber a vacina.

De acordo com o site Washington Post, os cientistas alertaram que as vacinas iniciais podem ser eficazes apenas na metade das vezes, ou seja, mais doses precisarão ser administradas para torná-lo eficaz.

O chefe de imunização, Robin Nandy, afirmou em uma entrevista que As vacinas estarão disponíveis nos primeiros anos em quantidades muito pequenas para vacinar os sete bilhões de pessoas que temos no todo o mundo hoje”. e finalizou dizendo que: “As vacinas chegarão em gotas e gotas”.

 



ÚLTIMAS

+LEIA TAMBÉM: Casas noturnas da Holanda vão permanecer fechadas até que haja vacina, diz o primeiro-ministro


 

 

 

 

 






⇦ Voltar
(11) 96650-7997
Áudio
Vídeo
Parado - Volume 50%
Energia na Véia
Mc Skat Kat - Skat Stru

280 / 280 caracteres